Efeito

domingo, 23 de julho de 2017

Crença Fundamental da Igreja de Deus Unida -Uma Associação Internacional acerca do Retorno de Jesus Cristo e o Vindouro Reinado

A Igreja de Deus Unida -Uma Associação Internacional acredita no retorno pessoal, visível pré-milenial, do Senhor Jesus Cristo para governar sobre todas as nações na terra como Reis dos Reis para continuar o Seu cargo de sacerdote como Senhor dos Senhores. Naquele tempo, Ele sentar-se-á no trono de Davi. Durante o seu reinado de 1.000 anos na terra, Ele restaurará todas as coisas e estabelecerá o Reino de Deus para sempre. (Mateus 24:30, 44; apocalipse 1:7; 11:15; 19:16; 20:4-6; 1 Tessalonissensses 4:13-16; João 14:3; Isaías 9:7; 40:10-12; Hebreus 7:24; Jeremias 23:5; Lucas 1: 32-33; Atos 1:11; 3:21; 15:16; Daniel 7:14, 18, 27).
fonte: Livro Crenças Fundamentais da Igreja de Deus Unida -Uma Associação Internacional. (p.69)

Crença Fundamental da Igreja de Deus Unida -Uma Associação Internacional acerca das Ressurreições e o Juízo Eterno

A Igreja de Deus Unida -Uma Associação Internacional acredita que a única esperança da vida eterna para o ser humano mortal, é a ressurreição através da presença do Espírito Santo. Acredita que com o retorno de Jesus Cristo, uma ressurreição para a vida espiritual vai ter lugar a todos que tenham sido fiéis servos de Deus. Acreditamos que, depois de Jesus Cristo reinar na terra por 1.000 anos, haverá uma ressurreição para a vida física da maioria das pessoas que jamais viveram. Acreditamos que, depois destas pessoas terem tido uma oportunidade de viver uma vida física, se elas se converterem, também receberão a vida eterna. Acreditamos, também, que aqueles que rejeitarem a oferta de Deus para a salvação colherão a morte eterna. (1 Coríntios 15:29, 42-52; Atos 23:6; João 5:21-29; Romanos 6 :23; 8:10-11; 1 Tessalonissenses 4:16; Ezequiel 37:1-14; Apocalipse 20:4-5, 11-15; João 3:16; Mateus 25:46)
fonte:Livro Crenças Fundamentais da Igreja de Deus Unida -Uma Associação Internacional.(pag.65)

Crença Fundamental da Igreja de Deus Unida -Uma Associação Internacional, acerca do Dízimo

A  Igreja de Deus Unida -Uma Associação Internacional acredita no dízimo como forma de honrar a Deus com a nossa substância e como um meio de servi-lo a pregação do evangelho, no cuidado da Igreja, na participação dos festivais e na ajuda aos necessitados(Provérbios 3:9-10; Gênesis 14:17-20; 1 Coríntios 9:7-14; Números 18:21; Deuteronômio 14: 22-29).
fonte: Livro Crenças Fundamentais da Igreja de Deus Unida -Uma Associação Internacional (pag.62)

sábado, 22 de julho de 2017

Crença Fundamental da Igreja de Deus Unida -Uma Associação Internacional, acerca da Igreja

Acreditamos que a Igreja é aquele corpo de crentes que receberam e estão sendo conduzidos, pelo Espírito Santo. A verdadeira Igreja de Deus é um organismo espiritual. O seu nome bíblico é "a Igreja de Deus". Acreditamos que a missão da Igreja é pregar o evangelho(a boa nova) do vindouro Reino de Deus a todas as nações como testemunha e ajudar a reconciliar a Deus tantas pessoas quantas estejam agora a ser chamadas. acreditamos também que é missão da Igreja de Deus, fortalecer, edificar e nutrir os filhos de Deus em amor e exortação a nosso Senhor Jesus Cristo(Atos 2:38-39,47; 20:28; Romanos 8:14; 14:29; Efésios 1:22-23; 3:14; 4:11-16; 1 Coríntios 1:2; 10:32; 11:16, 22; 12:27; 14:26; 15:9; 2 Coríntios 1:1-2; 5:18-20; Gálatas 1;13; 1 Tessalolissenses 2:14; 2 Tessalonissenses 1:4; 1 Timóteo 3:5, 15; Marcos 16:15; Mateus 24:14; 28:18-20; João 6:44, 65; 17:11,16).
fonte: Livro Crenças Fundamentais da Igreja de Deus Unida -Uma Associação Internacional. (p.57)

Crença Fundamental da Igreja de Deus Unida -Uma Associação Internacional, acerca do propósito de Deus para a Humanidade

Acreditamos que o propósito de Deus para a humanidade é preparar aqueles a quem Ele chama e que decidem responder a essa chamada através de uma vida de conquista ao pecado, desenvolvendo caráter justo e crescendo em graça e conhecimento para possuírem o Reino de Deus e tornarem-se reis e sacerdotes reinando com Cristo no Seu retorno. Acreditamos que a razão da existência da humanidade é para nascermos, literalmente, como seres espirituais na família de Deus(Romanos 6:15-16; 8:14-17,30; Atos 2;39; 2 Pedro 3:18; Apocalipse 3: 5; 5:10).
fonte: Livro Crenças Fundamentais da Igreja de Deus Unida -Uma Associação Internacional. (p.52)

Crença Fundamental da Igreja de Deus Unida -Uma Associação Internacional, acerca das promessas de Deus a Abraão

Acreditamos na justiça duradoura de Deus. Esta justiça é demonstrada pela lealdade  de Deus em preencher todas as promessas que ele fez ao pai da fé, Abraão. Como prometido, Deus multiplicou os descendentes diretos de Abraão e assim, Abraão tornou-se literalmente o "pai" de muitas nações. Acreditamos que Deus, tal como prometeu, fez prosperar materialmente os descendentes da linhagem de Abraão, nomeadamente Isaque e Jacó (cujo nome Ele mudou mais tarde para Israel). Acreditamos que Deus, através da semente de Abraão, Jesus Cristo, está oferecendo a salvação a toda a humanidade, independente da linhagem física. A salvação não é, portanto, um direito de nascimento, A salvação está livremente aberta a todos os que Deus chama, e aqueles que são considerados como descendentes de Abraão são os da fé, herdeiros de acordo com as  promessas. Acreditamos que o conhecimento de que Deus cumpriu e continua a cumprir as promessas físicas feitas a Abraão e a seus filhos, e que Ele está cumprindo a promessa espiritual através de Jesus Cristo,é fundamental para entendermos a mensagem dos profetas e a aplicação dessa mensagem ao mundo (/salmos 111:1-10; Romanos 4:16; 9:7-8; Gálatas3:16; Gênesis 32:28)
fonte: Livro Crenças Fundamentais da Igreja de Deus Unida -Uma Associação Internacional. (p.49)

Crença Fundamental da Igreja de Deus Unida -Uma Associação Internacional, acerca do serviço militar e da guerra

Acreditamos que Cristãos são proibidos pelos mandamentos de Deus de tirar a vida humana, direta ou indiretamente, e que portar armas é contrário a esta crença fundamental. Portanto, acreditamos que os Cristãos não devam servir voluntariamente no exército. se involuntariamente, eles tiverem que servir no exército, acreditamos que devem conscientemente se recusar a portar armas e, na medida que seja possível, recusar  de estar sob autoridade  militar. ( Êxodo 20:13; mateus 5:21-22; 1 Coríntios 7:21-23; Atos 5:29).
fonte: Livro Crenças Fundamentais da Igreja de Deus Unida -Uma Associação Internacional. (p.47)